terça-feira, 18 de agosto de 2009

Sheik beduíno



As cifras falaram mais alto na escolha de Emerson entre permanecer no Flamengo e acertar com o Al-Ahli, clube dos Emirados Árabes. Segundo a página eletrônica GloboEsporte.com, o atacante deve receber R$ 17 milhões por dois anos de contrato. Mas não é somente o ouro que deve atrair o Sheik para sair do Brasil.

O Al-Ahli no Mundial de Clubes, o que indica que Emerson não pensou somente no futuro financeiro de seus filhos (conforme declarou em declaração ontem). Por mais que as equipes da Arábia não tenham tradição no atual formato do torneio mundial, o fato dos árabes terem de atuar em mais partidas do que os representantes da América do Sul e da Europa torna mais provável que os artilheiros vistam camisas mais modestas.

Foi assim que o atacante Washington se destacou na competição em 2007. Atuando pelo japonês Urawa Red Diamonds, o jogador marcou três gols na competição e, no ano seguinte, retornou ao Brasil para defender as cores do Fluminense (que disputaria a Taça Libertadores da América).

Emerson faz as malas rumo aos Emirados Árabes e deixa o clube rubro-negro órfão em seu ataque. Diante da lista de opções que o técnico Andrade atualmente tem em seu plantel - os não muito confiáveis Zé Roberto, Maxi e Erick Flores - a situação fica desesperadora para o time conseguir alguns gols a mais no segundo turno do Campeonato Brasileiro. Mesmo que Adriano consiga voltar aos seus áureos tempos no gramado (motivado pela ansiedade em voltar à Seleção Brasileira), o Imperador não consegue ser tão gladiador a ponto de vencer sozinho as zagas adversárias.

Mas o Flamengo não é mais problema do Sheik. Como boa parte dos atuais jogadores brasileiros, ele segue como um beduíno, trocando de gramados de tempos em tempos e deixando o futebol ainda mais desértico da identificação entre o atleta e um clube. Talvez, Emerson tenha necessitado trocar de país para conseguir um pouco de estabilidade tanto financeira quanto do clube que defende.

*****

REVIRAVOLTA PRO MATO

Mal passou um dia desta notícia e O tempo e o placar... já está desatualizado. As últimas notícias que chegam dão conta de que o Flamengo RECUSOU a proposta feita por Emerson e que ele seguiria na Gávea. A novela prossegue... (hora desta mudança: 17:20)

Um comentário:

Leonardo Resende disse...

Mesmo tendo a proposta recusada pelo Fla, não acredito que os árabes vão desistir do jogador, que já demonstrou vontade de ir.

É complicado pensar como torcedor nessas horas, mas não há como negar que R$17 milhões por 2 anos de contrato para um jogador de 30 anos não é nada mal.

Eu mesmo não sei se resistiria, então pq ser hipócrita a ponto de recriminar o Emerson?

Visite também o Rio Futebol, se puder!

Grande abraço,

Leonardo Resende
Rio Futebol
http://riofutebol.blogspot.com
adm.riofutebol@gmail.com