sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Rodada dos desperdícios



A primeira rodada do returno do Campeonato Brasileiro mostrou desperdícios tanto na parte alta quanto embaixo da tabela. Com isto, o torneio continua cada vez mais equilibrado em todas as situações envolvendo os 20 participantes.

A maior derrota da vigésima rodada foi do Palmeiras. No confronto alviverde com o Coritiba, um pênalti cobrado por Marcelinho Paraíba no fim do jogo impediu que a equipe se afastasse dos demais concorrentes na busca pela conquista do título. No dia seguinte, o Goiás desperdiçou a chance de assumir a liderança ao perder por 2 a 0 para o Náutico nos Aflitos. O Atlético Mineiro desperdiçou a possibilidade de ficar na zona da Taça Libertadores da América ao ceder o empate para o Avaí depois de abrir 2 a 0 no Mineirão. Com o 2 a 2, o time catarinense segue em sexto lugar, empatado com Corínthians e Barueri, e deixou para trás o décimo Santos (que venceu o Grêmio por 1 a 0 na Vila Belmiro) e o décimo-primeiro Vitória (que derrotou o Atlético Paranaense por 2 a 1).



O Internacional foi outro clube a desperdiçar boas possibilidades na parte de cima do Campeonato Brasileiro. Ao perder para o Corínthians em pleno Beira-Rio (por 2 a 1), o time se manteve no quarto lugar. O colorado tem chance de se recuperar ao realizar os dois jogos adiados do primeiro turno.



Quem foi beneficado pelos tropeços dos alviverdes de São Paulo e de Goiás foi o São Paulo. O tricolor paulista não precisou se esforçar muito para vencer o tricolor carioca - a vitória veio com um gol de Richarlyson. O Fluminense prossegue se arrastando na tabela, a seis pontos do primeiro que está fora da zona de rebaixamento. O time só não é inferior ao Sport, que com a derrota por 2 a 1 para o Barueri no interior de São Paulo, se manteve em último lugar.

Fazendo companhia a ele, o Botafogo é mais um carioca a estar perto da queda para a Série B. O alvinegro desperdiçou o fato de jogar em casa contra o Santo André e perdeu para o time do interior paulista por 2 a 1. Além de perder a chance de conseguir uma posição melhor, ele permitiu que o Ramalhão saísse da agonia dos quatro últimos lugares (como foi mostrado ontem, na Análise de quarta).



E, pela enésima vez no Campeonato Brasileiro, o Flamengo desperdiçou a chance de uma vitória. Desfalcado de seis titulares (além do "reserva de luxo" Petkovic), o time chegou a abrir o placar no Maracanã, mas permitiu que o Cruzeiro passasse à frente e saísse do Rio com uma vitória por 2 a 1. As vaias da torcida começaram a acontecer, e ficaram ainda maiores para o goleiro Bruno, que se mostrou irresponsável ao retardar o jogo mesmo com o time da Gávea em desvantagem.

Com tantas desvantagens na rodada, talvez as vantagens conquistadas no primeiro turno façam a diferença. E aos times que estiveram mal no primeiro ato do campeonato, vai o conselho: não desperdicem.

*****

O tempo e o placar... escolhe o que houve de melhor e de pior na vigésima rodada do Campeonato Brasileiro de 2009.

O CHUTAÇO

O lindo gol de PAULO HENRIQUE LIMA na vitória santista sobre o Grêmio. Valeu o ingresso de quem foi à Vila Belmiro na quarta-feira.

A FURADA

O zagueiro JUNINHO fez uma partida bisonha no Engenhão, e foi coroado com a falha no segundo gol do Santo André. Ele, que era poupado das vaias botafoguenses, também saiu de campo ouvindo poucas e boas dos torcedores.

2 comentários:

Saulo disse...

Se o Palmeiras continuar vacilando, o Jason vai usar o seu facão.

Leonardo Resende disse...

Os cariocas continuam vacilando.

O Palmeiras e o Galo estão mostrando que não vão aguentar a ponta da tabela muito tempo.

Já o São Paulo, Barueri e Avaí mostram a constante ascenção das equipes;

Visite também o Rio Futebol, se puder!
Grande abraço,

Leonardo Resende
Rio Futebol
http://riofutebol.blogspot.com
adm.riofutebol@gmail.com