sexta-feira, 23 de abril de 2010

Impróprio para amadores



Não, O tempo e o placar... não está republicando seus posts anteriores de 2010. Sim, pela segunda vez, o técnico Jorge Fossati anuncia que vai poupar jogadores do Internacional em uma fase decisiva do Campeonato Gaúcho.

Na semifinal da Taça Fernando de Carvalho (primeiro turno do estadual do Rio Grande do Sul), o técnico do Inter colocou um time completamente reserva diante do Novo Hamburgo. E acabou eliminado, obrigado a assistir pela TV à vitória do Grêmio sobre seu algoz. O motivo era poupar seus titulares para o jogo contra o Emelec, a se realizar no Equador dois dias depois.

O motivo de agora é o mesmo: a Taça Libertadores da América. Desta vez, os jogadores serão poupados para o primeiro jogo do cruzamento com o Banfield, da Argentina. Mas o cenário gaúcho é bem mais interessante. Trata-se da primeira partida da final contra o arquirrival Grêmio, no Beira-Rio.

Sim, Fossati tem até argumentos plausíveis para sacar jogadores nesta partida. A Libertadores é um campeonato de muito mais visibilidade que o Campeonato Estadual. Seus jogadores vêm demonstrando cansaço com o desgaste de ambas as competições, portanto, é melhor deixá-los aptos para jogar pelo torneio mais valioso.

Mas a torcida aposta suas fichas também na supremacia diante da eterna rivalidade com o Grêmio. E, por mais que o Internacional tenha um elenco bom, com ótimas peças de reposição, o treinador (visto com olhos desconfiados pela torcida) pode ser sacrificado pelas ausências anunciadas até o momento - o lateral Kléber e os meias D'Alessandro e Andrezinho.

Rivalidades ou a saga pela conquista de um torneio internacional. Logo em sua primeira temporada no Brasil, Jorge Fossati tem uma certeza: a de que o futebol brasileiro é impróprio para amadores.

Um comentário:

Unknown disse...

Por mais que se tenha o argumento do jogo importante isso me recorda o 'vamos brincar no brasileiro' de Renato Gaúcho. O mesmo Fluminense que virou o time de guerreiros jogando com a mesma equipe a Sulamericana e o Brasileiro, lutando para não cair.

Com raça qualquer time joga seqüencia.